fbpx

Os Princípios da Confiança

A Thomson Reuters tem o compromisso de se manter fiel aos Princípios da Confiança e preservar sua independência, integridade e imparcialidade na coleta e disseminação de informações e notícias.

Princípios da Confiança — a história

Os Princípios da Confiança foram criados em 1941, durante a Segunda Guerra Mundial, em um acordo com a Newspaper Publishers Association e acionistas da Reuters. Os princípios impunham à Reuters e seus funcionários a obrigação de sempre agir com integridade, independência e imparcialidade e fortaleceram a empresa e os funcionários na realização da difícil e delicada tarefa que era de sua responsabilidade.

Os diretores e os acionistas da Reuters estavam determinados a proteger e preservar os Princípios da Confiança estabelecidos em 1941 quando a Reuters se tornou uma empresa de capital aberto negociada na Bolsa de Valores de Londres e na Nasdaq. Uma estrutura única foi montada para atingir esse patamar. Uma nova empresa foi formada e recebeu o nome de “Reuters Founders Share Company Limited”, e sua finalidade era controlar uma “participação dos fundadores” na Reuters.

Os documentos de formação da Thomson Reuters Corporation exigiam que os diretores da Thomson Reuters, no exercício de suas funções, zelassem pelos Princípios da Confiança através do exercício correto de seus poderes e respeitando outros deveres na qualidade de diretores.

Os Princípios da Confiança são:

  1. A Reuters jamais será controlada pelo interesse de alguém nem por qualquer grupo ou facção;
  2. A integridade, independência e imparcialidade da Thomson Reuters será plenamente preservada, sempre;
  3. A Reuters prestará serviços de notícias imparciais e confiáveis a jornais, agências de notícia, emissoras e outros consumidores de mídia, empresas, governos, instituições, indivíduos e outros com as quais a Thomson Reuters tem em vigor, ou pode firmar, contratos;
  4. A Thomson Reuters levará em consideração os diversos interesses a que atende além dos pertencentes à imprensa; e
  5. A Reuters não deixará de empregar esforços para expandir, desenvolver e adaptar as notícias e outros serviços e produtos de forma a manter sua posição de liderança no mercado internacional de notícias e informações

A Thomson Reuters Founders Share Company foi fundada em 1984 quando a Reuters se tornou uma empresa de capital aberto. Os diretores da Thomson Reuters Founders Share Company têm o dever de assegurar, na medida do possível, o cumprimento dos Princípios de confiança.

A Thomson Reuters Founders Share Company foi fundada em 1984, quando a Reuters se tornou uma empresa pública. Os diretores da Thomson Reuters Founders Share Company têm o dever de garantir, ao limite do possível, que os Princípios da Confiança sejam respeitados.

Os diretores da Thomson Reuters Founders Share Company são pessoas experientes e respeitadas do mundo da política, diplomacia, imprensa, serviço público e gestão. O corpo de diretores é selecionado por um comitê de nomeação e proposto ao conselho da Thomson Reuters Founders Share Company para votação. O comitê de nomeação tem algumas características únicas. Dois dos seus membros são juízes do Tribunal Europeu dos Direitos do Homem e auxiliam na avaliação criteriosa da adequabilidade dos candidatos. O conselho da Thomson Reuters conta com dois representantes no comitê, e o conselho da Thomson Reuters Founders Share Company tem cinco representantes, incluindo o presidente. Os demais membros são representantes de associações de imprensa do Reino Unido, Austrália e Nova Zelândia.

O número de diretores deve ser, no mínimo, 14 e não mais que 18. Os diretores têm pelo menos duas reuniões por ano e recebem relatórios sobre nossas atividades nas diferentes áreas em que trabalhamos. Os diretores se reúnem com o conselho da Thomson Reuters e os representantes da administração sênior. Por meio do presidente da Thomson Reuters Founders Share Company, há contato regular com nossa empresa. A relação é baseada na confiança e na verdade.

Independência da Thomson Reuters

Consumidores de todo o mundo dependem de nós para receber informações e notícias confiáveis e objetivas.

Isso significa que temos o dever especial de proteger nossa independência e integridade e evitar qualquer tipo de parcialidade que possa advir do controle de pessoas ou interesses específicos.

Os Princípios da Confiança da Thomson Reuters foram adotados em 1941 e tratavam da preservação da integridade, da confiabilidade das notícias, do desenvolvimento de um negócio de notícias e de princípios relacionados.

Hoje, esses princípios são fundamentais para toda a empresa.

Como podemos ajudar?

Veja como os produtos e serviços da Reuters podem ajudar você a transmitir notícias de última hora em tempo real e conteúdo multimídia premiado ao seu público.